tramadol class uk tramadol 50 mg medix tramadol

how far in advance should you take xanax xanax for sale is xanax good for lowering blood pressure

what is the best way to get off tramadol buy tramadol online no prescription overnight tramadol clorhidrato gotas dosis

max safe dose xanax buy xanax prepare xanax injection

cara penggunaan xanax buy xanax online what are the side effects of withdrawal from xanax

ambien and testosterone levels buy ambien online ambien online no prescription mastercard

take ambien during the day buy ambien ambien and texting

order alprazolam Los Angeles buy xanax taking xanax before tooth extraction

maximum daily dose of tramadol hcl tramadol online no prescription what is tramadol 50 milligrams used for

what is more addictive ativan or valium buy valium purchase diazepam West Jordan

Zona Leste protesta contra o fechamento das AMAs

Zona Leste protesta contra o fechamento das AMAs

Zona Leste protesta contra o fechamento das AMAs

Movimentos populares de saúde da Zona Leste realizaram na manhã de segunda-feira, dia 23 de outubro, protesto contra o fechamento de oito AMAs (Assistência Médicas Ambulatoriais) na região de Itaquera.

Essa notícia foi o principal motivo da manifestação. Com faixas, distribuindo panfletos e discursos inflamados, o ato público realizado em frente à AMA Especialidade de Itaquera, na Rua Américo Salvador Novelli, reuniu lideranças comunitárias, pacientes da rede pública de saúde e parlamentares.

A medida anunciada pela gestão João Dória no começo de outubro faz parte de plano de reestruturação da rede pública. As AMAs que serão desativadas são vinculadas às Unidades Básicas de Saúde (UBS). Elas prestam pronto-atendimento em casos menos graves com dores agudas, gripes e febre.

A Secretaria Municipal de Saúde afirmou que todos os pacientes das AMAS fechadas serão direcionados para as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). No orçamento deste ano, os R$ 124 milhões destinados à construção, adaptação e reformas das UPAs foram congelados pela gestão Doria, sobrecarregando o fluxo de pacientes nos Pronto Socorros. Até 12 de outubro, nada foi investido em novas UPAs.

Mesmo com as AMAs ainda abertas, a rotina dos pacientes da cidade é de infinita paciência. “Em julho procurei o posto de saúde daqui de Itaquera e consegui fazer o exame de Papanicolau somente em setembro. Hoje [23 de outubro] peguei o resultado e agendaram o ginecologista para dia 12 de dezembro”, conta a aposentada Laura Costa, de 76 anos de idade. “Com essa demora se tenho algo mais grave como posso receber tratamento a tempo?”

Para a vereadora Juliana Cardoso a alegação de falta de recursos da gestão Doria para extinguir as AMAs não é verdadeira. “Isso é reflexo do decreto do presidente Temer que congelou por 20 anos o orçamento na área de saúde, educação e assistência social. Doria vai fechar as 127 AMAs existentes na cidade. Temos de reagir, defender o SUS, pois estamos defendendo a vida”, disse em sua fala durante a manifestação. “Deve existir outro interesse por trás dessa decisão como entregar o atendimento público da saúde para a iniciativa privada”.

As oito AMAs que serão desativadas na região de Itaquera são as seguintes: Itapema, Jardim Brasília, Cidade Líder 1, Vila Carmosina, Boni 1 e 2, Parada 15 de Novembro e Águia de Haia. Permanecerão abertas as AMA Hospitalar Dr. Waldomiro de Paula e a AMA José Bonifácio 4.

André Kuchar

Related Articles

Close
Close

Por favor informe seu Usuário ou endereço de email. Você receberá um email contendo informações para redefinir a senha.

Close

Close